sexta-feira, 9 de julho de 2010

Um novo amanhecer ... aos pés do mestre...

"As misericódias do Senhor são a causa de não sermos consumidos... elas se renovão a cada manhã..."Lam. 3:22/23
O amanhecer é profundo. O salmista escreveu:"O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã"Salmos 30:5. Tenho visto acontecer na íntegra nos meus dias. Noites sem solução, onde tudo parece perdido, sem saída. O passado? Há como seria bem mais fácil se pudéssemos retroceder no tempo.... Não! O que me interessa é o futuro! Do passado, nem mais as lembranças! Mas sim o futuro, esse sim importa. E a certeza de ter Jeová Jiré como companheiro nesse futuro. Hoje, posso estar sozinha, ninguém para ouvir meu choro, meu lamento. Porém, sei que meu Deus tem um futuro de restituições, um futuro onde viverei não mais meus sonhos, mas sim os sonhos de Deus. A luta diária com o orgulho e o Eu interior é constante. Para alcançar os sonhos de Deus, a terra onde mana leite e mel, tem um caminho a ser seguido. Um caminho estreito. Mas, sei que valerá a pena. Quero continuar trilhando esse caminho!! Em momentos assim... como diz a música, as noites intermináveis, sim, olho ao redor, escuridão, silêncio. Mesmo pensando estar só, sei que não estou. Sinto a mão amiga daquele que deu sua vida por mim, ele me entende. Ele me conhece. Dobro meus joelhos e me derramo aos seus pés. Assim como Maria, me deixo ficar aos seus pés ouvindo sua voz suave a me dizer: "Estou aqui" Conto para ele como está sendo difícil caminhar, como dói a solidão da alma, a incapacidade aparente. Deixo as lágrimas rolar, eu sei que ele entende minha dor. Pode o mundo ao redor não entender, talvez nem os amigos mais chegados compreender, mas Jesus, ele entende! Ele também viveu momentos de angústia, mas não desistiu do destino proposto, que era o calvário. Ele entende meu lamento momentâneo. Diante dele posso desabar. Deixar a dor fluir e dizer que não posso, não estou conseguindo, e suplicar ajuda!! Pedir socorro!!! E derepente.. sinto a paz invadir minha alma, o coração sofrido, sente paz.. Ouço sua voz amiga dizer: "Deixo-voz a minha paz" Sim, meu mestre, tua graça me basta! Posso dormir em paz! E a certeza que o amanhã será um novo amanhecer! Novas a cada manhã as misericórdias do Senhor. Posso visualizar uma mesa no deserto!! O maná estará na porta no amanhecer.. Quando os raios do sol chegar, sentirei forças para caminhar e sorrir. Sei que meu mestre comigo está. Uma melodia antiga sempre encanta meus ouvidos: "Mestre o mar se revolta, as ondas me dão pavor, o céu se reveste de trevas, nào temos um salvador..." Sim, nesse momento o mestre se levanta no barco e ordena: "Aquieta-te mar, aquieta-te vento" e assim posso continuar, um passo de cada vez, um dia após o outro, visando a minha vitória. Um novo amanhecer....

Vera Lúcia 09/07/2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário