domingo, 11 de julho de 2010

Minhas reflexões...

Refletir as vezes faz bem. Se faz necessário parar alguns minutos e refletir, erros, acertos, conquistas, perdas... Sim, eu e você precisamos parar por instantes e pensar um pouco em nossas vidas, nossos objetivos. Claro que não iremos parar nas indagações: "Ser ou não ser" pois sabemos quem somos, e para quê estamos aqui. Em momentos assim.... viajo nos dias meus, olho, por onde andei, os livramentos que meu Deus me deu. As tristezas, as decepções, frustações... Também olho e vejo que houve momentos alegres, momentos felizes. Amigos verdadeiros encontrados no caminhar, verdadeiras pérolas, jóias raras, presentes direto do céu em minha vida. Orações respondidas, vitórias alcançadas, momentos que me levaram para mais perto de Deus. Um dia resolvi sair do meu habitat e lancei-me ao desconhecido. Apenas a certeza de ter orado e recebido o aval de Jeová. Percorri kilômetros e kilômetros, um grande aprendizado alcançado. Mas se fez necessário voltar, regressar e curas as feridas. Pagar as dívidas com o passado. Bem mais prático é deixar as coisas mal resolvidas no fundo do baú, bem guardadas. Certamente... Nosso Deus como tudo sabe e tem compromisso com sua palavra, com as promessas feitas a mim e a você, ele nos faz retroceder, como um dia ouvi: "Deus está a tempos de olho em você" Ah Senhor meu!! Minha vida é programada, já conquistei meu espaço, tenho sonhos, meu ministério? Quero ele sim, mas vamos encaixá-lo nos meus projetos. Por muitas vezes falei isso ao meu Deus, quantas vezes chorei sozinha, madrugadas a dentro, não entendendo que era o brigar do meu Eu com o Espiríto Santo. Jeová sabe bem como agir, como nos pegar de jeito. E assim ele fez. Derepente dormi e acordei, no centro da sua vontade. Onde ele queria que eu estivesse a muito tempo. Abri os olhos e vi, quanto tempo perdido, quantas lágrimas a toa, quanto sofrimento poderia ter sido evitado se eu parasse se ouvir meu orgulho e ouvisse a voz de Deus. Renunciar não é um bom remédio, perdoar é dolorido, mas vale a pena. Eu que julagava ter andado por diversos desertos, ter aprendido tudo, estava apta... Doce ilusião... Meu deserto estava começando, o deserto que me leva bem pertinho de Deus. Dos dias passados, da glória e estatus obtido, só as lembranças. Por mais que me doa dizer: "Hoje Feliz!" Feliz? Alguém pode dizer: "Você está louca! Vive de sonhos!"Sim, hoje sou feliz, grandes foram as perdas nesse deserto, mas tenho encontrado riquezas nesse deserto. Tenho encontrado paz, sonhos verdadeiros, sonhos que nasceram no coração de Deus. Amigos queridos disposto a ouvir as queixas do deserto, nos dias que o sol está muito quente, a areia queima os pés. Mas eu tenho certeza que agora sim, estou no centro da vontade de Deus. Que existe esperança, que existe um futuro de restituiçoes à minha frente. Um dia a pós o outro estou a andar, sempre pedindo proteção divina, mas sei que chegarei a vitória completa. Onde poderei dizer: "Até aqui me ajudou o Senhor" Deus meu escudo e broquel! Minha rocha!!! E que "o choro dura uma noite mais a alegria vem ao amanhecer"Salmo 30:5

Vera Lúcia 11/07/2010

3 comentários:

  1. É sempre bom lembrar que é nesse deserto o qual Deus nos coloca que somos aperfeiçoados e refinados, assim como é refinado e provado o ouro. No livro de Ezequiel diz: E te levarei para o deserto dos povos e ali pleitearei contigo face a face.
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Verdade!! É no deserto que somos provados, aprovados ou reprovados!!

    ResponderExcluir
  3. Graça e paz. Maravilha , realmente é necessario rever nossa caminhada. Parabéns pelo blog , gostei e passo a segui-lo, sua visita e seu comentario no meu é bem vindo. fica na paz.

    ResponderExcluir