sábado, 26 de junho de 2010

Vencer um dia após o outro

Vencer!! Vitória!! Palavras tão pronunciadas e alvos tão almejados. Como alcançar a vitória... Qual preço a ser pago. Para alcançarmos nosso objetivo nessa caminhada se faz necessário mais que palavras! Orações nos impulsionam a crer e nos levam mais perto do trono da graça. Há momentos que a vitória nos parece longinqua, a fé nos parece loucura sem retorno. Crer em momentos de bonança é tão fácil, receber promessas é maravilhoso. Mas o caminho a percorrer até o cumprimento das promessas pode ser longo e ter preços a serem pagos. Vencer, onde está a receita, qual a fórmula. Onde encontrar. A cada dia uma nova batalha, estratégias para vencer se faz necessário. Na ânsia de alcançar a vitória, se não vigiarmos, podemos joga-la para longe, muito longe. O certo que nosso Deus não nos deixa sozinho nas batalhas diárias, ele é amigo fiel para todos os momentos. Todo preço a ser pago no caminho para alcançar a vitória é válido, terá recompensa. No caminho a percorrer para chegarmos a Canaã, a terra onde mana leite e mel, encontramos gigantes, pedras e espinhos. Palavras desanimadoras, decepções, gritos de loucura a vista que soam e penetram na alma como espada pontiagudas, resultando mãgoas e tristezas. O inimigo de nossa alma, não quer e faz tudo para nos impedir de vencer, um dia após o outro. Como proseguir.. Sim, aos pes do mestre Jesus encontramos consolo e forças pra prosseguir, passar por cima das pedras, retirar os espinhos que penetraram a alma, bálsamo para curar as feridas. Sim, aos pés do mestres Jesus encontramos forças para prosseguir... Estratégias para vencermos em nome de Jesus!! Sim, vencermos uma batalha por dia, eis o segredo para alcançarmos a vitória total!!!!!!!

Vera Lúcia 26 de junho de 2010

terça-feira, 22 de junho de 2010

Mais um passo, rumo a vitória!!

Cada amanhecer, cada nascer do sol, uma nova esperança. A certeza da vitória, a cada passo mais perto de Canaã, a terra que mana leite e mel... O jordão é logo ali, mas o Jordão? Só atravessá-lo. Esse momento, o momento da travessia, pode não ser momento de alegria e nem de festa. Pode ser momento de lágrimas, momentos de solidão, momento de angústia, mas também é o momento da vitória!! Incertezas não podem ofuscar o brilho da vitória! O jordão é logo ali... Sim, só mais um passo... Ao parar por um instante, volto o olhar para trás, para a areia do deserto, o sol ainda está forte, mas ao olhar, vejo a distância percorrida, as perdas e renúncias necessárias, e concluo: Sim, vale a pena estar no deserto! Vale a pena comer o maná que Jeová envia todos os dias!! Deus sempre se fez presente, dia após dia.E o que é mais uns passos em direção ao Jordão, diante do caminhar no deserto? Vou andar, pois já percorri quase todo o percurso e a certeza da vitória me impulsiona a dar os passos decisivos em rumo a Canãa! Pela fé, atravessarei o Jordão, e do outro lado cantarei: "Só o Senhor é Deus"

Vera Lúcia 22/06/2010

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Jesus amigo verdadeiro

Há momentos em nossas vidas que precisamos esquecer, apagar da memória, apagar do coração. Palavras, gestos que muitas vezes causam feridas profundas, feridas essas que dão vazão a sentimentos de solidão e tristeza nos deixando frágeis as ações do inimigo de nossas almas. Feridas que nos mantém prisioneiros de um passado sem volta, nos fazendo refém da autopiedade, e impedindo de avançarmos em direção as promessas que Deus nos fez. Se olhamos para trás, lá estão elas sangrando, ainda doendo, se olharmos para os lados, vemos as consequências, um cenário negro sem vestígios do brilho do sol, sem ânimo para prosseguir. Como é doloroso mexer e falar em sentimentos tão bem guardados, tão bem vigiados. Não! Vamos deixar eles guardados no fundo do baú da nossa existência. Pra que mexer? Quem se importa com eles? Alguém se importa, aquele que deu sua vida na cruz do Calvário por minha e por sua vida. Ele se importa com seu presente, com seu futuro. E envia o bálsamo de Gileade, para cicratizar as feridas adquiridas ao longo do caminhar na estrada da vida. Jesus, nosso melhor amigo, nos entende, nos compreende e nos ajuda. Precisamos olhar para o alto de onde vem nosso socorro nos dias de angústia. Ele nos fortalece e nos direciona ao caminho certo e as decisões a ser tomadas, as renúncias precisas para vivermos a plenitude do seu amor, seu projeto para nós. Pode ser dolorido curas as feridas, mas vale a pena, como é bom olhar para trás e não ver mas os sinais, as marcas e muito menos o sentimento de culpa. Vale a pena, renunciarmos o nosso Eu interior para vivermos a vontade de Deus, sentirmos seu perdão e seu braço forte nos consolando, nos ajudando a atravessar o Jordão e gozarmos das delícias de Canaã. É fácil? Não é fácil. Custa lágrimas. Maior é o gozo da vitória, a certeza de vencer do que o preço a ser pago em lamentações, em dilemas, em alimentar um passado sem futuro. Deus é fiel! E sempre coloca em nosso caminho pessoas especiais que nos dão suporte, amigos verdadeiros, que são tesouros encontrados na terra! Em momentos , esses amigos são enfermeiros, são anjos enviados por Deus para nos auxiliar, nos ajudar a prosseguirmos no processo de Cura Interior. Não se esta só quando se tem um amigo! E o maior amigo de todos é Jesus, o leão da Tribo de Judá! Ele sempre está presente, nunca está off, está sempre disposto a nos ouvir, a nos consolar, e quando não conseguirmos andar ele nos carrega nos braços. Ele cura nossas feridas, ele é o Bom Samaritano.

terça-feira, 15 de junho de 2010

Dias e Dias...

Há dias e dias na vida. Dias de alegrias e dias de choro, dias de solidão e dias de bonança. Dias calmos e dias turbulentos. Dias que logo ao amanhecer o sol brilha e os raios penetram a alma nos fazendo sorrir a toa. Tudo é possível nesse dia, qualquer barreira facilmente é derrubada. Mas, há dias que o amanhecer é cinzento, o sol foi ofuscado por nuvens escuras e com o passar das horas nem vestígios dos raios de sol. O que fazer? Bem, o ideal é permanecer na cama, fechar os olhos, esquecer os sonhos, os projetos, conquistá-los pode ser doloroso, pode custar lágrimas, renúncias, decepções. Quem sabe vamos descobrir que aqueles que julgávamos serem amigos, não os são, eles estão nos boicotando, desejando nosso fim. Nos vendendo como os irmãos de José o venderam. Simplesmente por seus sonhos!! É talvez o melhor seja dormir mesmo. Ficar dentro de casa, esconder-se, deixar que os dias passem, os meses e derepente os anos.. Lutar? Não! Isso pode doer! Pode nos fazer sofrer! Aiii!!!! Porém, é nessas horas que nosso Deus, Senhor supremo, nos envia seu anjo assim como fez com Elias, e nos diz: "Levante, coma! A jornada é longa! Ergua os olhos e veja além do céu cinzento, além das decepções, além das renúncias. Veja o sol que brilhará, as restituições que já foram ordenadas para sua vida. Não estás sozinha, sabe, quando não consegues andar, quando não tens forças, teu Deus te carrega nos braços! Você vencerá!!"
Aleluias!! Sentimos as forças renovadas. A fé e a esperança que o melhor de Deus está por vir, que a glória da segunda casa será maior que a primeira, nos impulsiona a vencer os obstáculos, a seguir em rumo a Canaã prometida. Certos que ainda haverão dias sem sol, dias de ventos e tempestades, mas a certeza que não estamos sozinhos, que nosso melhor amigo Jesus Cristo está ao nosso lado, nos entende, nos compreende, nos ama, nunca nos deixa sozinho, nunca nos decepcionará nos move e nos direciona a vitória total!! Ergua os olhos e visualize seus sonhos, seus porjetos! Deus sonhou eles também! Lute por eles. Quando você julgar que ninguém te valoriza, ninguém acredita em você, Deus usará alguém que talvez você viu poucas vezes na vida e dirá: "Eu acredito em você, eu aposto em você!" Pois, bem antes dele, alguém já apostou em você dando sua vida na cruz do calvário: Jesus Cristo!!


By Vera LúciaPublicar postagem