sexta-feira, 26 de março de 2010

Desertos...

Deserto,lugar de escassez,lugar de fome ,dor sofrimento...
Deserto, lugar de sentimento de derrota,de desistência...
Deserto,lugar de duvidar do plano de Deus...
Deserto,lugar de rebeldia,lugar de murmurações...
Deserto lugar de se voltar contra Deus...

Deserto ,lugar de maná do céu...
Deserto ,lugar de saciar a sede.
Deserto,lugar de milagres ,maravilhas e prodígios...
Deserto ,lugar de crescimento espiritual...
Deserto lugar de ouvir Deus,lugar do crescimento da fé...
Deserto lugar mais próximo da vitória...
Deserto ,caminho da terra prometida.. .

Há momentos que estamos no deserto, e pensamos não haver mais saída, falamos como Davi no Salmo 121: “elevo meus olhos aos montes de onde me virá o socorro?” elevamos os olhos e vemos areia, sol escaldante, e o oásis tão esperado cadê? É no deserto que indagamos a Deus onde estão as promessas, aquelas que o Senhor jamais nos deixaria só, “Se passares pela água, estarei contigo, se passares no fogo, ele não te queimará”?. Mas e o sol? Esse queima, os raios penetram no profundo da alma, e ela chega a doer. Ah! Esses momentos de dor e solidão são tristes, as lágrimas essas sim são companheiras de todas as horas. Os olhos chegam a doer, de tanto chorar. Decepções, angústias, cadê a voz para gritar Socorre-me Deus!!! Com o peso da dor, caímos de joelhos e sem forças para clamar, apenas gememos.... É nessa hora, que nosso amigo Espírito Santo, intercede por nós com gemídos inexprimível. Mesmo sem perceber em meio as agonias da vida, somos carregados, e conduzidos ao lugar certo : o centro da vontade de Deus! Como chegamos? Voando? Rastejando?? Não!! Nos braços do amado mestre. Ele nunca nos abandona, quando não podemos andar , ele nos carrega no colo. É no centro da sua vontade para nossas vidas que podemos ouvir sua voz com clareza, entender seus desígnios e atender ao seu chamado. Com voz audível responder: Eis-me aqui Senhor!! Usa-me !! Envia-me!! Após, atravessarmos o deserto, estaremos aptos a cumprir o Ide de Jesus, desprovidos de orgulho, e dependência própria, pois no deserto aprendemos a depender de Deus! Por esse motivo ele nos encaminha ao deserto , para aprendermos a depender de Dele.


Março de 2010

by Vera Lúcia

quinta-feira, 25 de março de 2010

Sol quente...

Sol quente, cruz pesada, segue alguém pelo caminho...

Que dor sentia sua alma, mas prosseguia. Mesmo cansado não parou. O povo a olhar, uns se divertiam, outros choravam, lá vai Jesus o nazareno pelo caminho...Horas antes, pediu ao Pai se possível fosse passasse dele o cálice. Estava predestinado e era cumprimento da Escritura. Assim, seguia o meigo Jesus rumo ao calvário, suas mãos e pés pregaram, de suas vestes tiraram sorte, vergonha e dor sentia, mas não lamentou. Os pregos perfuram sua carne, gotas de sangue caíram ao chão, sangue de alguém inocente. Deus se rosto virou para não ver seu filho amado sofrer, o mesmo em sofrimento e agonizante dor teve misericórdia do ladrão, assim como perdoou os seus algozes, pois não sabiam eles que era necessário acontecer. O véu do templo se rasgou, os sepulcros se abriram, a terra fendeu-se, era o filho de Deus que expirava e ao Pai entregava seu espírito. Oh! Os discípulos choravam. O mestre amado morria. Já sentiam saudades. Oh! Que dor invadia alma dos discípulos, não mais tinham a presença do mestre amado, seu olhar meigo e palavras confortadoras. Três dias se passam, e em meio a dor três mulheres vão ao sepulcro do Senhor, quem sabe em prantos, recordando-se dos momentos com ele vividos. Qual a surpresa! A pedra removida, o corpo do Senhor não estava ali!! Um ser resplandecente disse-lhes: “Não chorem, Jesus ressuscitou!”Imensa alegria invade o coração das mulheres. Jesus ressuscitou!! Jesus ressuscitou!!! Correram comunicar aos demais. “Não chorem! O Senhor Vive, Jesus ressuscitou! Aleluias! Jesus ressuscitou!

Hoje, nós não merecedores da graça divina, pelo preço de sangue e dor, fomos comprados, redimidos e lavados. No sangue de Jesus!! Louvamos a Deus, Jesus vive! Jesus está em nosso meio, não mais pregado no madeiro! Jesus ressuscitou!!



by Vera Lúcia

quarta-feira, 24 de março de 2010